Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas Notícias > Seminário Multicampi de Assistência Estudantil da Unifesspa acontece em Marabá
Início do conteúdo da página

Seminário Multicampi de Assistência Estudantil da Unifesspa acontece em Marabá

  • Publicado: Quinta, 13 de Junho de 2019, 16h53
  • Última atualização em Quinta, 13 de Junho de 2019, 19h02

 Sem Assis Est MARABA 03

“Diálogos sobre a assistência estudantil na Unifesspa” foi a temática dos Seminários de Assistência Estudantil realizado nesta quinta-feira, 13 de junho, em Marabá. A mesma programação foi realizada nas unidades 1 e 2 para que o evento cumprisse seu objetivo principal: promover espaços de diálogo com toda comunidade acadêmica da Unifesspa.

De iniciativa da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Estudantis (Proex) da Unifesspa, o evento tem apoio dos Institutos fora de sede, da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação (Proeg), do Núcleo de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade da Unifesspa (Nuade) e do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão Acadêmica (Naia).

O debate se deu em torno do Programa Nacional de Assistência Estudantil, Decreto n° 7234/2010, que tem por finalidade a ampliação as condições de permanência dos jovens no ensino superior. A abertura foi feita pelo reitor da Unifesspa, professor Maurílio Monteiro, e o professor Diego Macedo, pró-reitor da Proex. “Nos últimos anos, por força da articulação social, um conjunto expressivo de estudantes em situação de vulnerabilidade social ingressaram na universidade. No entanto, esta entrada deve ser complementada e diretamente articulada com a política de assistência estudantil para que dê aos estudantes condições mínimas para aquisição de material didático, alimentação, transporte, lazer para que sua presença seja profícua e produtiva para eles e para a sociedade brasileira”, disse o reitor.

Sem Assis Est MARABA 02Participaram da mesa-redonda os estudantes Eguinaldo Guimarães e Daniela Bruna de Oliveira, os servidores na Proex Valdelina Queiroz e Elino Benício e o professor Fábio Araújo, o professor Daniel Nogueira, da Proeg, professor Jerônimo Silva, do Nuade, e Edilane Figueiredo, do Naia. 

O professor Fábio Araújo, Diretor de Integração e Assistência Estudantil da Proex, apresentou o resultado da V Pesquisa de Perfil dos Graduandos das IFES, realizada pela Associação Nacional Dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) em 2018. “91,8% dos estudantes da Unifesspa vivem em unidades familiares em que tem renda per capita de no máximo 1,5 salário mínimo. Esta é sim uma universidade do povo, de filhos de trabalhadores que precisam de condições de permanência no ensino superior”, disse o diretor.

São os estudantes como Daniele Bruna e Eguinaldo que confirmam esses dados. Daniele é de Ananindeua e vivia com os avós em Ananindeua. A renda mensal da família é o salário mínimo de aposentadoria do avô, mas mesmo assim, veio a Marabá para cursar Ciências Biológicas. “Meu curso é integral, então nem posso pensar em trabalhar. Por isso, a assistência estudantil tem sido importante para minha graduação, mas não só em auxílios. Também já fui conversar com os assistentes sociais em momentos de aflição”, destacou a estudante.

De Tomé Açu, filho de agricultores, Eguinaldo atravessou a graduação com apoio de auxílio permanência e bolsa de iniciação científica. “Eu vivi a transição da UFPA para Unifesspa e vi a diferença de sermos uma universidade independente. Por exemplo, em 2012, foram ofertados 57 auxílios moradia pela UFPA e, em 2017, a Unifesspa ofertou 140”, falou ele que é egresso de Agronomia e hoje é servidor público no Instituto Federal do Pará e mestrando no Programa de Pós-Graduação em Dinâmicas Territoriais e Sociedade na Amazônia (PDTSA) na Unifesspa.

No encerramento, a Galeria Vitória Barros lançou a Mostra Fotográfica VER-A-CIDADE, realizada anualmente em comemoração ao aniversário de Marabá, que ficará na Unifesspa nos dias 13 e 14 no Tapiri da Unidade 1 e nos dias 17 e 18 no hall de entrada do prédio multiuso da unidade 3.

Sem Assis Est MARABA 01

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página